• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
    • ALÉM DA COTA
    • COMUNICADO PORTARIA 2132
    • peticionamento eletronico DTI
    • aviso horário 2019
    • BRASILIT BANNER

    Bemis é processada por ambiente de trabalho perigoso e prejudicial à saúde

    A empresa poderá pagar uma indenização de 5 milhões de reais

    São Bernardo do Campo, 04 de setembro de 2019 - O Ministério Público do Trabalho (MPT) em São Bernardo do Campo ajuizou uma ação civil pública (ACP) contra a empresa Bemis do Brasil Indústria e Comércio de Embalagens Ltda., em agosto de 2019, por irregularidades no meio ambiente de trabalho. O órgão pede o pagamento de uma indenização de R$ 5 milhões de reais pelos danos morais coletivos, que poderá ser revertida para instituições ou programas de fins não- lucrativos.

    Imprimir

    Monólogo sobre casos de trabalho escravo e tráfico de pessoas encerra campanha #TodosContraOTráficoDePessoas

    27 de agosto de 2019 - A campanha #TodosContraOTráficoDePessoas, promovida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), a ONU Brasil e parceiros para chamar a atenção para a situação das vítimas do tráfico de pessoas no Brasil, foi encerrada no dia 21 de agosto no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo (SP), com a apresentação da peça Trinta e Dois. Aberto ao público e convidados, o evento de encerramento contou com a participação de cerca de 800 pessoas, que assistiram aos monólogos cujos textos foram baseados em relatos verídicos de pessoas que foram traficadas para exploração sexual e trabalho escravo, interpretados pelos atores Cris Vianna, Dan Ferreira, Natallia Rodrigues e Yasmin Bispo, dirigidos por Mariana Jaspe.

    Imprimir

    Audiência coletiva reúne sociedade civil e entidades parceiras da campanha #TodosContraOTráficoDePessoas

    Evento foi parte das ações da campanha e abordou o papel da atuação institucional no combate ao tráfico de pessoas.

    Na terça-feira (20), aconteceu no auditório do Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP) a audiência coletiva com o tema Todos contra o Tráfico de Pessoas, com participação de oito palestrantes e com a apresentação de depoimentos de vítimas de trabalho forçado.  

    Imprimir

    Lojas Americanas processada em 11,3 milhões por assédio moral

    Vítimas eram pessoas com deficiência contratadas por meio da Lei de Cotas

    Barueri, 27 de agosto de 2019 – A Lojas Americanas S/A foi processada na semana passada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em Barueri pela prática de assédio moral e discriminação contra pessoas com deficiência (PCDs). Na ação civil pública, o MPT pede R$ 11.300.000,00 em danos morais coletivos.

    Imprimir

    "Seis Temas à Procura de Justiça “é vencedor do Prêmio CNMP 2019

    O projeto “Seis Temas à Procura de Justiça: a poesia também pode inspirar a luta no combate ao trabalho infantil e à escravidão contemporânea”, idealizado pelas procuradoras do Trabalho Eliane Lucina e Elisiane Santos, do Ministério Público do Trabalho em São Paulo, conquistou o terceiro lugar do prêmio Prêmio CNMP 2019, na categoria “Comunicação e Relacionamento”

    São Paulo, 23 de agosto de 2019 - O projeto é fruto da parceria com a Festa Literária das Periferias (FLUP) e teve início em maio de 2017, durante seminário realizado no Museu de Arte do Rio de Janeiro (MAR). O trabalho foi desenvolvido junto a jovens de comunidades periféricas do Rio de Janeiro para a conscientização sobre os malefícios do trabalho escravo e infantil e a violação de direitos humanos, e abrangeu a realização de um seminário, com grupos de trabalho sobre temas transversais tratados na realidade das comunidades e oficinas de poesia com adolescentes e jovens das comunidades. Ao final, houve a participação no evento FLUP , com mesa temática sobre trabalho escravo e infantil, que contou com debates que serviram de inspiração para a produção literária dos jovens, cujo resultado foi a publicação do livro “Poemas FLUP”.

    Imprimir

    Ex-empregados da Aché/Biosintetica convocados para receber pagamento de horas extras

    Quem trabalhou na empresa de 2008 a 2010 tem até o dia 13/09 para se habilitar ao recebimento

    São Paulo, 16 de agosto de 2019 - A Aché (Biosintética Farmacêutica Ltda) terá de pagar todas as horas extras devidas a ex-empregados que trabalharam na empresa de 2008 a 2010. Os trabalhadores têm até o dia 13/9 para se habilitarem a receber o benefício devido. Para isso, devem se habilitar no processo que tramita na 40ª Vara do Trabalho em São Paulo (Barra Funda, São Paulo), através de advogado, sindicato ou buscando informações na própria Vara sobre como proceder. Os que forem habilitados devem receber o pagamento das horas extras em valores atualizados, após execução.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos