• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
    • Sem título-1
    • cartaz 2
    • peticionamento eletronico DTI
    • AVISO TELEFONIA2

    Empresa de emergências médicas é obrigada a proteger empregados contra acidentes de trabalho

    Investigação do MPT-SP constatou que ela não tinha CIPA nem plano de prevenção contra acidentes com seringas e tesouras, utilizados no dia-a-dia hospitalar

    A Anjos da Guarda Emergências Médicas firmou um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Trabalho de São Paulo (MPT-SP) após fiscalização constatar que a empresa não atualizou seus programas para segurança no ambiente de trabalho.

    Imprimir

    MPT-SP faz homenagem a seus ex-procuradores-chefes

    O Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP) inaugurou em 21/5 uma galeria de fotos em homenagem a seus ex-procuradores-chefes. Foram homenageados Rubens Aidar, José Eduardo Duarte Saad, Nelson Nazar, Erick Lamarca, Marisa Monteiro, Cândida Alves Leão, Maria José Pereira Do Vale, Almara Nogueira Mendes, Roberto Marcondes, Oksana Boldo, Cristina Aparecida Brasiliano e Ana Elisa Segatti.

    Imprimir

    MRV terá que contratar aprendizes de baixa renda

    Em acordo com o MPT, empresa foi obrigada a cumprir a Lei de Aprendizagem Profissional

    A MRV Engenharia e Participações S.A, empresa do ramo da construção civil, firmou na semana passada um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP) em que se comprometeu a contratar 543 aprendizes para atender à Lei de Aprendizagem Profissional.

    Imprimir

    MPT participa do lançamento de plano municipal de combate ao trabalho escravo

    Documento prevê prioridade absoluta para a proteção de crianças e adolescentes

    O Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP), representado por sua procuradora-chefe Claudia Regina Lovato Franco, participou na quarta-feira (13 de maio) da cerimônia de inauguração do Plano Municipal de Erradicação do Trabalho Escravo da Prefeitura de São Paulo, assinado pelo prefeito Fernando Haddad e pelo secretário municipal de Direitos Humanos e Cidadania Eduardo Suplicy.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos